sábado, 7 de maio de 2011

Odontologia

Informamos que encerramos as atividades do Blog Doutor Pug. No entanto, convidamos a conhecer o site dedicado especialmente a eles: Pug Brasil o mais completo site do Brasil sobre a Raça, onde você encontra informações completas sobre a Raça, podendo participar do Fórum de Perguntas e Respostas. Esperamos Você!

A saúde dentária é pode garantir muitos anos de vida a mais para seu Pug, além de tornar o convívio entre vocês mais agradável.
 
Os filhotes possuem 28 dentinhos de leite, que começam a cair por volta dos 3 meses e meio de idade. Logo em seguida começam a aparecer os dentes definitivos, que são em torno de 42. Os dentes definitivos estão totalmente posicionados por volta dos 7 meses de idade.

A falta de escovação da boca causa mais do que o mau hálito, provoca a proliferação de bactérias que formam a placa bacteriana, o acúmulo de tártaro (uma crosta amarelo-amarronzada que aparece principalmente nos dentes caninos e molares dos cães), e mais do que isso, podem provocar doenças em outros órgãos do corpo, como infecções no coração, doenças no fígado e nos rins.

Algumas destas doenças são:

Gengivite: inflamação das gengivas que pode se transformar em periodontite. Os sintomas da gengivite são sangramentos e vermelhidão da gengiva, desconforto e dor, além de dificuldade em mastigar.

Periodontite: mais séria do que a gengivite, a periodontite é uma infecção que pode se espalhar pelos tecidos e pelos ossos em que as raízes dos dentes se prendem. O comprometimento destes ossos pode levar a perda dos dentes e é irreversível.

 O tártaro e a infecção bucal podem conter várias bactérias que se espalhar e se desenvolvem em outras partes do corpo. Somente o cuidado regular dos dentes do seu Pug e visitas periódicas ao veterinário podem prevenir problemas mais sérios.

Atenção

Não se pode utilizar creme dental humano em Pugs ou em qualquer outra raça. O cão não tem como enxaguar a boca e cuspir a pasta de dente, como o humano faz. O flúor contido na nossa pasta de dente faz mal quando ingerido, e os componentes da pasta de dentes humana (como alguns detergentes, por exemplo) podem causar irritações no estomago dos nossos cães.

As pastas de dentes especiais para cães são seguras se forem engolidas e não fazem mal aos nossos bichos. Além disso elas têm um sabor muito agradável para eles, o que facilita a tarefa de acostumá-los a deixar escovar os dentes, e são capazes de derrubar os bafinhos mais persistentes.


Os cães têm a gengiva bastante delicada e sensível. Usar uma escova de dentes inadequada pode machucá-los, causando desconforto e dor. O ideal é usar uma escova apropriada, ou uma “dedeira” que é uma escova de borracha para ser utilizada no dedo, que massageia e escova os dentes com a maior facilidade.

De acordo com a American Veterinary Dental Society (AVDS) 80% dos cães com 3 anos de idade possuem alguma doença oral. Quanto mais cedo você começar a ensinar o seu filhote a deixar escovar os dentes, melhor.


Ao ensinar o seu filhote a relaxar e deixar ter seus dentes escovados e a gengiva massageada, você estará contribuindo para que ele tenha uma vida mais saudável, mas também estará desenvolvendo um importante trabalhado na educação e na relação entre vocês dois. Relaxar e deixar o dono “esfregar” a boca é um sinal de confiança e de submissão (no bom sentido) por parte do filhote. Este ritual ajuda a você manter o seu papel de líder, e se for executado de forma correta, diminui as chances do seu peludo se tornar agressivo e fora do controle sempre que tiver que ser examinado, contido, ou manipulado.

Acostume seu Pug a deixar ter seus dentes escovados, com os seguintes passos:
    1. Escolha um local calmo, sem distrações e em um horário que seja tranqüilo para você e para ele. Nada de querer fazer as coisas com pressa.
    2. Deixe o cão se acostumar aos poucos com esta noviade. Durante os 3 primeiros dias apenas ofereça um pouquinho da pasta de dentes no dedo e deixe o peludo lamber a vontade. Aproveite para dar carinho.
    3. Nos próximos 5 dias coloque um pouquinho da pasta no seu dedo, acomode o bichão no seu colo, ou na posição preferida dele para receber carinhos, e massageie o seu dedo na gengiva dele por uns 5 segundos. Não use a dedeira ainda, nem é preciso "escovar” toda a boca.
      Comece massageando apenas os dentes da frente ou uma das laterais da boca. Observe o ponto que o seu Pug fica mais relutante em deixar escovar e a cada dia dedique um segundo a mais justamente neste ponto. Termine a massagem da gengiva sempre no ponto da boca que ele fica mais relaxado. Ao final desta breve seção faça bastante carinho e ofereça um pouquinho de água.
    4. É hora de introduzir a dedeira de borracha. Repita o programa de 5 dias como foi descrito no item 3, desta vez usando a dedeira.
    5. Você já está trabalhando a 13 dias e já deve ter conquistado alguns progressos. Se o Pug já aceita bem a escovação, vá em frente e trabalhe a boca toda, pelo menos 2 vezes por semana. Se vocês ainda precisam de algum tempo para se adaptar ao ritual da escovação, procure dividir a tarefa em duas etapas. Escove uma metade da boca primeiro, e então libere o peludo para brincar ou fazer qualquer outra coisa. Em uma outra hora do dia que vocês estejam relaxados novamente aproveite para escovar a metade que ficou faltando. Mantenha este esquema até o seu peludo começar a aceitar a escovação com naturalidade.
    6. Enquanto ele estiver se acostumando a ter os dentes escovados, tenha o cuidado de parar a sessão antes dele ficar irritado e irrequieto. Se ele desconfiar que dando "chilique" vai se livrar da escova de dentes, vai ficar cada dia mais difícil de tratar da boca.
    7. Escove sempre de uma maneira bem gentil e sem fazer força contra a gengiva de seu peludão.
    8. Faça movimentos circulares lentos e certifique-se de massagear a linha da gengiva, além da parede dos dentes.
    9. Certifique-se de escovar os dentes do fundo da boca e os caninos, pois é neles que as placas se formam mais freqüentemente. Também não se preocupe em escovar os dentes pelo lado de dentro da boca do bichão, pois as placas e o tártaro normalmente se aderem na face externa dos dentes.
    10. Use uma porção pequena da pasta de dentes para cada lado da boca.
    11. Sempre termine cada sessão fazendo um belo carinho.
    12. Escove os dentes, pelo menos, 2 vezes por semana.

Um cachorrinho que é ensinado a ser manipulado e examinado desde pequeno tem muito menos chances de desenvolver sinais de agressividade por dominância contra seu próprio dono. 

Ao começarmos a educar um filhote com apenas 60 dias de vida é fisicamente muito mais fácil de segurá-lo na posição correta e de controlar qualquer tentativa de não se deixar submeter. Com calma e firmeza, ao escovarmos os dentes do peludo, estamos passando uma mensagem para ele de que somos fisicamente mais fortes, que somos “autoritários” como os bons líderes devem ser, mas que também somos confiáveis, pois não o iremos machucar.


Se o seu cão se tornar realmente difícil para escovar os dentes, mesmo seguindo todas as nossas orientações, é provável que você precise de um profissional para lhe ajudar a avaliar os possíveis desdobramentos deste comportamento no futuro, e aproveitar para traçar um plano para evitar que o cão se torne fonte de medo, intimidação, ou tristeza para a família.

Ao deixar ter seus dentes escovados, o filhote ou mesmo um cão adulto, vai se tornando cada vez mais relaxado quando precisar ser manipulado pelo veterinário, ou pelo tosador, sem falar pelo próprio dono. Ficar calmo, sem se debater, com confiança nas pessoas que estão fazendo a limpeza de seus dentes, facilita muito a vida dele e de todo mundo também.

A relação homem / cão fica mais saudável, mais harmoniosa, mais amiga, mais parceira, mais confiável.

A escovação regular com a pasta de dentes previne a formação das placas bacterianas e do tártaro, mas se o seu Pug já está com os dentes muito sujos, leve-o para uma consulta com o seu veterinário de confiança para avaliar a necessidade de fazer uma remoção profunda. Normalmente precisam de uma limpeza profissional a cada 3 anos.


Consulte sempre o seu veterinário de confiança e siga à risca os conselhos dele. É importante evitar uma limpeza de tártaro prevenindo o problema, mas não fingindo que ele não existe.

Onde Comprar o filhote de Pug?

Canil Taj Mahal (especialista em Pugs) possui linhas de sangue consagradas mundialmente com lindos filhotes  massudos e carinhosos. Exemplares com Pedigree, Microchip e Atestado Sanitário.
Ligue agora para 53 8436 8518 e reserve seu lindo filhote.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...